quinta-feira, 21 de março de 2013

Quem é do mar não enjoa

Quem é do mar não enjoa





Muito se tem dito, talvez mais ainda, se tenha ouvido falar, a respeito de nossa Rio Grande.





Há precisos sete anos, nosso município revolucionou a Zona Sul, com a majestosa expansão do Polo Naval, aliás sobre isto, todos nós já temos conhecimento. Que ainda há muito que se organizar, evoluir, caminhar, disto também não temos dúvidas.
Recentemente, encerrou-se a Feira do Polo Naval, cujo objetivo, entre outros, foi o que justamente trouxe o seu slogan: “Rio Grande, rumo ao desenvolvimento com qualidade de vida”,onde discutiu-se aspectos referentes à sustentabilidade,investimentos e convivência.
É nossa cidade, de “olho” neste maior fenômeno social do Estado, olhar este, que certamente não se descuida do que ainda é preciso ser construído; necessidade de se ampliar a capacitação da força de trabalho, em especial aos filhos desta terra, saúde, segurança, maior organização no tráfego de veículos, uma vez que, se a expansão da indústria naval acontece, todos os demais seguimentos, obviamente, carecerão de acompanhar a demanda.
E em meio a todos estes e tantos outros acontecimentos, ao encerrar-se o mês de março, dando início ao mês de abril, a Noiva do Mar prepara-se para mais uma demonstração deste desenvolvimento, sendo este o seu maior objetivo; representar a identidade e o contexto histórico até aqui realizado, pelo seu povo, por sua gente, com a XVI edição da Festa do Mar, em parceria com a Prefeitura da Cidade e a  Superintendência do Porto do Rio Grande.
            A Festa do Mar de 2013 aborda como tema a vida no “Estuário da Laguna dos Patos”, no encontro das águas, um berçário do Atlântico Sul, oportunizando um importante espaço para as discussões, sobre as ações de sustentabilidade e biodiversidade da Laguna, visto que Rio Grande encontra-se em férteis caminhos de desenvolvimento. Quanto à biodiversidade, para despertar em todos uma consciência ecológica e um compromisso ambiental, reforçando assim, as discussões acontecidas na Feira do Polo.
Aliás, nossas preocupações enquanto cidadãos, autoridades, lideranças, são preocupações do mundo inteiro, exaltada pelo papa Francisco, chefe de estado do Vaticano, pronunciadas em sua homilia, por ocasião inaugural de seu papado, comunhão perfeita com todos aqueles que assumem um pacto com a VIDA.
E nós, portanto, habitantes desta península, precisamos dar razões a Martinho da Vila. E não é que o ilustre compositor tem toda razão quando diz, que “quem é do mar não enjoa”?
E é verdade. Não enjoa de ser otimista, não enjoa de projetar sempre mais e mais sonhos possíveis e impossíveis. Nós rio-grandinos, que somos do mar, das águas profundas, gigantes, quão gigantes são nossos sonhos, nos orgulhamos de expor nossa cidade, com todos esses desafios, nesta 15ª Festa do Mar.
 “Quem é do mar não enjoa”, não enjoa de orgulhar-se, não enjoa de lutar para acertar, não enjoa jamais de querer ser feliz!
Fonte: Jornal Agora (Sônia Maria da Silva Azevedo) Psicopedagoga

De olho nos acontecimentos...

De olho nos acontecimentos...

Galo Até Morrer!!!

Galo Até Morrer!!!
Super Galo

Minha Princesinha

Minha Princesinha

Galerinha do Barulho rsrsrs...

Galerinha do Barulho rsrsrs...
Filhotes, Filhos

Minha vida

Minha vida
Família

EU E MINHA TURMINHA LINDA

EU E MINHA TURMINHA LINDA
FAMÍLIA