quarta-feira, 9 de maio de 2012

Petrobras sofre com paradas em plataformas e incidentes


* Analistas veem queda na produção em março; aguardam número

* Petrobras teve bons volumes em janeiro e fevereiro no país

* Especialista não vê recuperação no curto prazo

Por Leila Coimbra

A Petrobras deverá registrar queda na produção de petróleo no Brasil em março, por conta de incidentes ocorridos em Frade, onde a estatal é sócia da Chevron, e também com paradas não-programadas de plataformas ao longo do mês, segundo analistas e integrantes da indústria.

A Petrobras, que tem participação de 30 por cento do campo operado pela norte-americana, onde a produção foi suspensa em meados de março, ainda não divulgou o total produzido no mês passado.


A estatal apresentou uma performance relativamente boa em janeiro e fevereiro, com o bombeamento de petróleo em volumes próximos da meta de 2,1 milhões de barris diários de 2011 - no primeiro mês de 2012, a estatal produziu o segundo maior volume de sua história no país (2,110 milhões b/d), enquanto no mês seguinte bombeou 2,098 milhões de barris.

Mas a suspensão da produção em Frade em março por conta de um novo vazamento teve impacto no resultado mensal da estatal.

O campo de Frade chegou a atingir 73 mil barris por dia, o que tornou a Chevron a segunda maior operadora do país, atrás apenas da própria Petrobras.

Além de Frade, ocorreram paradas não-programadas em plataformas da estatal para a manutenção, o que irá agravar o cenário, segundo especialistas ouvidos pela Reuters.

Contatada, a Petrobras não comentou o assunto.

Em relatório enviado a clientes, o banco Itaú afirma que "a produção em março deverá cair sequencialmente devido às paradas para manutenção e com o derramamento de óleo em Frade".

O analista da Ativa Corretora, Ricardo Corrêa, concorda que haverá queda em março e não acredita em recuperação da produção no curto prazo.



"Não esperamos um aumento de produção no primeiro semestre. Um pequeno acréscimo deverá ocorrer apenas no próximo ano e volumes relevantes somente em 2014 e 2015", disse o analista.

PLATAFORMAS

Não só vazamentos e paradas deverão complicar a produção de petróleo pela Petrobras. Atrasos na entrega de equipamentos por parte de estaleiros também são um problema para a empresa, segundo analistas.

O Credit Suisse disse em relatório que "vê a cadeia de abastecimento do setor de petróleo no Brasil como um gargalo importante para a Petrobras para cumprir suas metas de produção."

Segundo o banco, "há um aperto em sondas de perfuração, estaleiros, e no mercado de mão-de-obra". O documento completa: "O crescimento da produção de petróleo pela estatal está cada vez mais difícil este ano."

Houve atraso na entrega da plataforma P-55, cuja previsão inicial era de inicio das operações neste ano, mas agora a expectativa é que comece a produzir no início de 2013.

A P-55 tem capacidade de extração de 180 mil barris por dia quando atingir sua operação plena, no campo de Roncador (bacia de Campos).

O Credit Suisse afirma que, além do atraso da P-55, há problemas de prazo com a plataforma P-62 (adiada para 2014), com outros três outros projetos de menor dimensão (Baleia Azul, Siri e Marimba, reprogramados para 2015), e também há problemas com a FPSO (espécie de plataforma flutuante) Cidade de São Paulo, anteriormente programada para começar no final de 2012, cujo início da produção só deverá ocorrer apenas em janeiro de 2013.

"Embora a Petrobras não confirme as razões da demora da entrega da FPSO Cidade de São Paulo, a mídia afirma que o estaleiro Brasfels está atrasando a entrega. Pensando de forma mais ampla, isso mostra que mesmo os estaleiros com bom histórico estão sujeitos a atrasos", completou o banco em seu relatório.(Reportagem de Leila Coimbra; edição de Roberto Samora)


Fonte: Veja

De olho nos acontecimentos...

De olho nos acontecimentos...

Galo Até Morrer!!!

Galo Até Morrer!!!
Super Galo

Minha Princesinha

Minha Princesinha

Galerinha do Barulho rsrsrs...

Galerinha do Barulho rsrsrs...
Filhotes, Filhos

Minha vida

Minha vida
Família

EU E MINHA TURMINHA LINDA

EU E MINHA TURMINHA LINDA
FAMÍLIA