sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Petrobras comemora o primeiro ano do dique seco do Rio Grande


Construção do deckbox da P-55 está ocorrendo no dique seco
Petrobras comemora o primeiro ano do dique seco do Rio Grande


A área destinada à construção naval em Rio Grande, onde foi construído o primeiro dique seco de grande porte do País, denominada pela Petrobras de Polo Naval, completou um ano de sua inauguração. A estrutura, também conhecida como Estaleiro Rio Grande, foi inaugurada em 21 de outubro de 2010 pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Para comemorar o aniversário de um ano, no início da manhã de terça-feira, 1º, a Petrobras reuniu os cerca de três mil trabalhadores que atuam no local e realizou um evento com direito a discurso, parabéns e distribuição de bolo. Na comemoração, o gerente de Implementação de Empreendimentos para plataforma P-55, Edmilson de Medeiros, ressaltou os projetos que estão em andamento no chamado Polo Naval, como a P-55 e os cascos destinados ao Pré-sal.
Medeiros ainda ressaltou que, neste primeiro ano, a Petrobras registrou grandes avanços nos projetos desenvolvidos na estrutura. Conforme ele, no caso da P-55 já foram edificados mais de 7,8 mil toneladas de aço de um total de 12 mil. Além disso, já se encontram no local todos os módulos que compõem a plataforma P-55. Neste primeiro ano, também foi iniciada a construção dos oito cascos FPSOs do Pré-sal. Até o momento, foram recebidas mais de 46 mil toneladas de chapas de aço e 18,5 mil toneladas de perfis para o desenvolvimento dos cascos.
Desde a inauguração do estaleiro, também estão sendo realizadas diversas obras civis de adequação e melhoria da infraestrutura. Entre os destaques estão o aumento da capacidade de carga do arruamento do eixo Sul de cinco para 10 toneladas por metro quadrado e o seu alargamento, passando de nove para 25 metros, permitindo assim o transporte de módulos e estruturas de grande porte. Também foram abertas vias, facilitando o trânsito interno do Polo, e construído estacionamento provisório, com capacidade para 320 carros. Ainda está em processo de licenciamento ambiental o projeto para a construção de outro estacionamento com capacidade para 500 vagas. Já na proximidade do lado Sul do dique seco foi criada uma área com capacidade para 10 toneladas por metro quadrado para sustentar equipamentos de grande porte ou a colocação de cargas.
Outras obras estão em andamento, tais como, os prédios Administrativo da Petrobras, da Manutenção, da Central de Resíduos e do Centro de Treinamento. Um fato importante também marcou o primeiro ano do chamado Polo Naval, quando, no início de outubro, foram realizados os testes no sistema de bombas e válvulas responsáveis pelo enchimento e esgotamento do dique seco. A atividade, realizada com sucesso, conforme a Petrobras, teve como objetivo verificar o desempenho do sistema que será utilizado durante a entrada do casco da P-55 e a saída da plataforma após a conclusão de sua edificação. A chegada do casco em Rio Grande está prevista para janeiro de 2012.
Fonte: Jornal Agora

De olho nos acontecimentos...

De olho nos acontecimentos...

Galo Até Morrer!!!

Galo Até Morrer!!!
Super Galo

Minha Princesinha

Minha Princesinha

Galerinha do Barulho rsrsrs...

Galerinha do Barulho rsrsrs...
Filhotes, Filhos

Minha vida

Minha vida
Família

EU E MINHA TURMINHA LINDA

EU E MINHA TURMINHA LINDA
FAMÍLIA