quarta-feira, 1 de junho de 2011

O MAIOR OBJETO FLUTUANTE DO MUNDO

Conheçam a Prelude FLNG, será a primeira e maior unidade de produção e liquefação de gás offshore do mundo

 

A Shell Austrália, acaba de bater o martelo na ultima sexta feira, e aprovar o grande projeto “Prelude FLNG”,

que demandam investimentos na ordem de 12 bilhões de dólares! A previsão é a entrada em operação até o ano de 2017.

Para a economia da Austrália o projeto irá significar 45 bilhões de dólares na balança comercial o desenvolvimento deste campo.

Sempre souberam que há muito gás e óleo na costa da Austrália,

porem condições climáticas, e a proibição de construção de oleodutos submarinos, sempre tornou proibitiva a extração

e produção dos hidrocarbonetos naquele país. Mas a Shell junto com a Total da França, e Inpex do Japão,

desenvolveram um novo conceito de FPSO, que na verdade é um FLNG-Floating Liquefied Natural Gas,

esta unidade será a maior já construída no mundo, e também será o maior objeto flutuante do mundo.

A construção será feita nos estaleiros Samsung na Coreia do Sul, em parceria com a Tecnip,

que também fará a instalação da unidade no campo, em lâmina d'água de 250 metros.

 

Projeto audacioso à prova de tufões

 

Segundo a Shell, foram gastas mais de 1.600.000 mil horas de pesquisas para chegar a este tipo de projeto,

e outra grande novidade esta no sistema de ancoragem.

Segundo eles será o mais reforçado já projetado, terá o mais alto Turrent system, já instalado num navio,

a escolha do sistema Turrent foi decisiva, pois as condições climáticas na costa da Austrália e Mar de Timor,

não são nada agradáveis nas temporadas dos Tufões, e por isso este projeto é feito para suportar Tufões cat. 5 (a mais alta categoria),

e poderá operar com navios LNG aliviadores em condições de vento e correntes fortes.

 

Dimensões

Com 488 metros de comprimento.

74 metros de boca

600 mil toneladas quando em carga total.

Somente na construção serão usadas 260 mil toneladas de aço, 3 vezes mais aço do que usado na construção da ponte Golden Gate.

Cada esfera de armazenagem, terá o equivalente há 175 piscinas olímpicas.

Será maior do que 4 campos de futebol.

Liquefação no mar

A grande vantagem do projeto, será a planta de liquefação que esta unidade terá no convés, pois ai o gás poderá ser comprimido 600 vezes,

à uma temperatura de -162° Celsius. Com isso uma grande quantidade de gás poderá ser armazenada nos tanques,

e depois aliviada para navios LNG (gaseiros), mas um revolucionário sistema irá usar água gelada do mar para ajudar a reduzir mais espaço no convés, esta água gelada irá circular em torno dos tanques, ajudando a manter baixa a temperatura.

 

O grande desafio foi desenvolver uma planta destas sobre um casco, pois em terra estas plantas são enormes,

porem esta é 4 vezes menor e com a mesma capacidade de processamento.

Ela poderá armazenar até 200 mil metros cúbicos de LNG e 90 mil metros cúbicos de LPG, e 126 mil metros cúbicos de condensado.

 

Post to Twitter

Exibir artigo...

De olho nos acontecimentos...

De olho nos acontecimentos...

Galo Até Morrer!!!

Galo Até Morrer!!!
Super Galo

Minha Princesinha

Minha Princesinha

Galerinha do Barulho rsrsrs...

Galerinha do Barulho rsrsrs...
Filhotes, Filhos

Minha vida

Minha vida
Família

EU E MINHA TURMINHA LINDA

EU E MINHA TURMINHA LINDA
FAMÍLIA