quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Cerimônia marca início das obras de montagem e edificação de módulos da P-63

Cerimônia marca início das obras de montagem e edificação de módulos da P-63
Solenidade reuniu 600 trabalhadores que atuam na P-63


Evento que reuniu 600 trabalhadores da P-63, no canteiro da Quip, na avenida Honório Bicalho, em Rio Grande, na manhã do dia 10, oficializou uma nova etapa na construção da plataforma: o início dos trabalhos de montagem e edificação dos módulos. Participaram do evento, diretores da Quip e da BW Offshore e representantes da RVT, prestadora de serviços a Quip e da Petrobras.
O diretor-geral da Quip, Miguelangelo Thomé, disse em seu discurso que o momento deveria ser comemorado e frisou a importância de todos os parceiros no projeto. Para os trabalhadores, ele colocou a meta "zero" de acidentes.“Vamos entregar a plataforma dentro do prazo, mas garantindo a qualidade do serviço e a segurança dos trabalhadores”.
O diretor de Suporte Corporativo, Marcos Reis, lembrou que o momento é de crescimento. “Em dois ou três meses, estaremos duplicando o número de trabalhadores que temos em Rio Grande e que hoje está em torno de 3 mil”, disse ele, contabilizando também os trabalhadores da P-55 e as futuras contratações da CQG Construções Offshore, responsável pela plataforma P-58. O diretor da BW Offshore, Tom Kristiansen, leu para os trabalhadores um texto em português sobre a prioridade da segurança nesse ramo de atividade.
Representando a Petrobras, Joper Andrade discursou aos trabalhadores e seguiu a mesma linha da segurança. Segundo ele, apesar de a Petrobras considerar o atraso de uma obra um grande problema, a cobrança pelo cumprimento dos prazos nunca pode comprometer a segurança dos trabalhadores. “Temos muitos projetos de investimentos e aqui no Sul, um exemplo claro disso: a construção da P-55, P-63, P-58 e ainda mais oito cascos, mas lembramos que a vida é linda e deve ser valorizada”, afirmou Andrade.
O gestor de Construção e Montagem da P-63 da Quip, Bartolomeu Vero de Morais, comemorou a retomada desses grandes eventos no canteiro da empresa. “Desde a P-53 que não ocorria um grande evento como esse no nosso canteiro que, a partir de agora, terá muitos trabalhos paralelos, como solda, montagem e outros”, disse. “Porém os riscos também crescem e temos que lembrar a todos os trabalhadores que priorizem a segurança porque não temos plano B para a vida”.
Participaram da atividade o diretor-geral da Quip, Miguelangelo Thomé; diretor de suporte corporativo, Marcos Reis; gerente de engenharia da Petrobras, Henídio Queiroz; gerente Papa terra da Petrobras, Joper de Andrade; gerente de Projeto P-63 da Petrobras, Cesar Pacheco; gerente de Construção e Montagem da Petrobras, Pedro Cesar Mayer; diretor da BW, Tom Kristiansen; gerente de projeto P-63 da BW, Klaus Horne, gestor de Projeto da Quip P-63, Bartolomeu Vero; gestor de Projeto da P-55, José Simão; gestor da Quip, Edson Gomes; gerente de Construção e Montagem da Quip P-63, Edgard Kozama; diretor da RVT, Jorge Daflon; gerente setorial de projetos para óleo pesado da Petrobras, Salim Melhem Baruqui e o gerente geral da implantação de projetos para óleo pesado da Petrobras, Eduardo Bordiere.

De olho nos acontecimentos...

De olho nos acontecimentos...

Galo Até Morrer!!!

Galo Até Morrer!!!
Super Galo

Minha Princesinha

Minha Princesinha

Galerinha do Barulho rsrsrs...

Galerinha do Barulho rsrsrs...
Filhotes, Filhos

Minha vida

Minha vida
Família

EU E MINHA TURMINHA LINDA

EU E MINHA TURMINHA LINDA
FAMÍLIA